Ecologia de comunidades na EEc Sta Bárbara

Community ecology at EEc Sta Bárbara

A Estação Ecológica
The protected area

Métodos/Methods

Resultados preliminares
Preliminary results

Referências
References

A equipe
The team

 

 

Resumo
Abstract


No início de 2016, iniciamos um projeto de médio prazo em uma área de cerrado no extremo sul do bioma. Estamos trabalhando na Estação Ecológica de Santa Bárbara (EEcSB), uma UC administrada pela Fundação Florestal, localizada no município de Águas de Santa Bárbara, no centro-sul do Estado de São Paulo. Abaixo está o resumo do projeto que foi submetido à FAPESP e aprovado em agosto de 2016.

RESUMO: Embora a fauna do Cerrado tenha sido bem estudada nas últimas décadas, são raros os estudos focados nas causas das variações locais e regionais na estrutura das taxocenoses de vertebrados no Cerrado. O presente estudo visa contribuir para o entendimento dessas variações por meio de amostragens de anfíbios, répteis e pequenos mamíferos em um mosaico de fisionomias de cerrado, bem como com informações disponíveis na literatura sobre diversidade desses grupos. Mais especificamente, esse projeto tem os seguintes objetivos: (1) descrever a estrutura de taxocenoses de anfíbios, répteis e pequenos mamíferos em diferentes fisionomias de cerrado sensu lato; (2) descrever a estrutura das taxocenoses e a fenologia de anfíbios em corpos d'água; (3) testar o efeito de fatores ambientais sobre a estrutura de taxocenoses de anfíbios, répteis e pequenos mamíferos em um gradiente de densidade de fisionomias vegetais (de formações campestres a florestais); (4) testar o efeito de fatores ambientais sobre a estrutura de taxocenoses de anfíbios em corpos d'água; e (5) testar a hipótese de que as condições físicas das formações mais densas de cerrado funcionam como filtro ambiental para os anfíbios, répteis e pequenos mamíferos típicos do Cerrado. Faremos as amostragens de campo na Estação Ecológica de Santa Bárbara (Águas de Santa Bárbara, SP) por meio de armadilhas de queda, armadilhas de pequenos mamíferos e procura visual/auditiva. Usaremos métodos correntes nas comparações de diversidade, análises multivariadas para testar possíveis associações entre diversidade e estrutura do ambiente e métodos ecofilogenéticos para a detecção de filtros ambientais.

In early 2016, we started a field project at a savanna area in the southern extreme of the Cerrado biome. We are working at the Estação Ecológica de Santa Bárbara (EEcSB), a protected area of the Fundação Florestal, located at Águas de Santa Bárbara, in south-central São Paulo state. Below is the abstract of the reseasrch proposal submitted to FAPESP and approved in August 2016.

ABSTRACT: Although the composition and richness of the Cerrado vertebrate fauna have been relatively well studied, few studies focused on the causes of local and regional variation in community structure. This study aims to contribute to a better understanding of these causes by sampling amphibians, reptiles, and small mammals in a Cerrado vegetation mosaic and gathering additional data in the literature for these groups. The objectives of this proposal are: (1) to describe the structure of amphibian, reptile, and small mammal assemblages of different Cerrado vegetation types; (2) to describe the structure of amphibian assemblages in water bodies; (3) to test the effect of habitat structure on amphibian, reptile, and small mammal assemblages of different vegetation types; (4) to test the effect of habitat structure on amphibian assemblages in water bodies; and (5) to test the hypothesis that the physical conditions of dense Cerrado physiognomies function as an environmental filter for cerrado amphibians, reptiles, and small mammals. Samplings will be carried out at the Estação Ecológica de Santa Bárbara (Águas de Santa Bárbara, SP) using pitfall and live traps, and visual/auditory surveys. Current methods will be used in the diversity comparisons, multivariate analyses will be used to test for associations between diversity and habitat structure, and community phylogenetics methods will be used to detect environmental filter.

As escalas do projeto

Esquema mostrando as diferentes escalas a serem abordadas neste projeto. Estão indicados em vermelho, em cada escala, fatores importantes na determinação da composição de espécies do pool regional, da diversidade nos níveis pontual, local e regional (diversidade α, γ e ε respectivamente) e das diferenças de diversidade ou substituição de espécies entre os ambientes (diversidade β). Em teoria, só farão parte da comunidade local as espécies do pool regional que são capazes de vencer filtros ambientais representados pelo arco azul. Já as espécies encontradas em cada ambiente (escala pontual; e. g., fisionomias vegetais, corpos d'água) serão aquelas da fauna local para as quais esse ambiente representa seu habitat.

c

 

 

k

   

Copyright by Marcio Martins. Last changes: December 2015